Português (Portuguese)

 

 Alkis Raftis em números


– Natural de Atenas, onde reside a sua família desde 1860. O seu avô e o seu bisavô eram padeiros no bairro de Plaka, o bairro antigo da cidade, situado sob a Acrópole .

– Os seus pais e dois dos seus primos foram membros da resistência durante a ocupação nazi da Grécia

– Fala seis línguas e compreede o Grego Αntigo e o Latim

– Serviu durante 2 anos no Corpo de Comunicações do Exército Grego

– Formou-se em 4 universidades, em Atenas e em Paris

– Leccionou em 4 universidades e deu palestras noutras 14 universidades, em 9 países

– Ocupou cargos de topo, nomeadamente como vice-governador de um banco de investimento nacional, como engenheiro-chefe de uma grande unidade industrial e como gestor de projetos de uma empresa multinacional.

– É autor de 21 livros e editor de 30 livros, 11 CD-ROMs, 2 DVDs e de 6 CDs

– É responsável pela edição de uma revista de dança (com 32 páginas): 110 edições desde 1992

– Foi responsável pela organização de 24 congressos mundiais, bem como de centenas de palestras, oficinas, performances, festivais e outros eventos relacionados com a dança.

– Foi eleito presidente de duas organizações muito conceituadas: o Teatro Dora Stratou em Atenas e o Conselho Internacional de Dança da UNESCO, em Paris.


 

 

Perfil


O professor Alkis Raftis nasceu em Atenas, onde reside a sua família desde 1860. O seu avô e o seu bisavô eram padeiros no bairro de Plaka, o antigo bairro de Atenas, situado sob a Acrópole. Os seus pais e outros membros da sua família desempenharam papéis de destaque na Resistência durante a ocupação nazi.

O professor Raftis fala seis línguas e é formado em quatro universidades distintas (em engenharia, sociologia, política e gestão) em Atenas e em Paris. Depois de ocupar uma posição enquanto executivo sénior em empresas multinacionais americanas, foi professor na Escola de Engenharia de Patra, na Escola de Educação de Patra e nas Universidades Paris-Dauphine e Paris-Sorbonne. Deu palestras em 16 universidades distintas. Foi vice-governador do banco de investimento nacional ETBA e, finalmente, decidiu concentrar-se em dança.

Realizou uma pesquisa etnográfica sobre a dança tradicional nas aldeias, uma pesquisa histórica sobre a dança grega desde a Antiguidade e uma investigação sobre a dança no contexto da arte e da poesia. O professor Raftis é considerado uma autoridade no que se refere à dança na Grécia desde a antiguidade e ao trabalho bailarinos da década de 1900, como Isadora Duncan e La Belle Otero. A sua galeria de História da Dança é considerada uma ferramenta valiosa para historiadores de dança. Actualmente desenvolve trabalho sobre a história da dança no Mediterrâneo Oriental antes de 1900 .

É autor de mais de 21 livros sobre dança, cultura e gestão e de mais de 100 artigos. Editou outros 30 livros, 11 volumes de CD-ROM , 6 CDs e 2 DVDs e uma revisão bi- mensal, com mais de 110 edições.

O professor Raftis é o actual presidente do Conselho Internacional de Dança CID da UNESCO, em Paris. Desde 1987 é o presidente do Teatro Nacional de Dança e companhia de dança Dora Stratou, em Atenas.

 

 

Artigos/Articles

Grécia, un museo vivo. A preservação de umpatrimónio folclórico. O Correio da Unesco, 03/1996, pp 34-35.

 

 

 

Close Menu